domingo, 23 de maio de 2010

agradecimento

pequena, eu te admiro tanto, vejo teu tamanho que de diminuto tantas vezes fora deixada de lado. vejo tanta beleza condensada que me aperta o peito, amolece os braços, pernas e escurece os olhos. Megalomaníacos e derivados não entenderiam tamanho descompasso, assustados me julgariam fraco e inventivo, como se beleza fosse sinônimo de grandeza. Tua pequena boca, dizendo pequenices, me faz crescer de dentro para fora até flutuar dentro de mim mesmo. Continuarei aqui, pois tuas palavras doces alimentam meu dia.

8 comentários:

  1. ao ser anônimo, acho que não cabia especificação no texto.

    ResponderExcluir
  2. Estou sem palavras... Jamais pensei que um texto aqui seria dedicado para mim... Logo um seu, que tanto gosto. Tamanha gentileza não posso agradecer! Mas ainda assim agradeço, acho que não me cabe a satisfação com o lido.

    ResponderExcluir
  3. que lindo, que lindo, que lindo!

    ResponderExcluir
  4. Realmente é um agradecimento muito lindo. Parabéns pelo insentivo, Rodrigo.

    ResponderExcluir
  5. Que BELEZA de texto.

    Meline Débora

    ResponderExcluir
  6. Minha nossa, quantos anônimos. :O

    ResponderExcluir
  7. hahahahaha, também estou chocado Jess :x

    ResponderExcluir
  8. Quase postei anonimo agora só para ter o texto dedicado a mim *o* POAKSPOAKSPAS

    Mas mesmo assim "Continuarei aqui, pois tuas palavras doces alimentam meu dia. "

    ResponderExcluir