sábado, 5 de dezembro de 2009

Penso tanto tempo que... tentei




Pensei que poderia continuar
Nada demais, talvez apenas seguir
Pensava que era só querer falar
Mas, eu não conseguia sorrir

Penso, penso, penso, penso
Caminho para o que acho que vejo
Ilusões combinam com seu senso
Apenas criação de um falso desejo

...

- Entendo, entendo... você precisa descansar um pouco agora.
- Não vamos chegar nunca se continuarmos assim.
- Se eu deixar você seguir desse jeito...
- O que faz aqui ainda? Já não tem uma boa história?
- Não sei o que fazer sozinha com isso.
- Bom... eu não quero mais essa história.
- Não sei o que fazer sozinha...
- E eu não sei o que fazer com você...

...

- Eu tenho uma idéia...
- Hã?


9 comentários:

  1. Qual a ideéia João?
    *---* Fiquei curiosaa ...
    AiinG

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. huuum... eu tive uma idéia ;)

    ResponderExcluir
  4. Carlos, provavelmente escreverei uma continuação. Este post já é, de certa forma, uma continuação dos posts "Despedida" e "Muito Amor".

    Quanto a idéia, Ana, hum... não sei se vou falar sobre ela no próximo post ou deixar na curiosidade.

    E julia, agora eu fiquei curioso com sua idéia. Conta?

    ResponderExcluir
  5. idéia não enche barriga :)

    abraços.

    ResponderExcluir
  6. Primeira vez que venho aqui, e gostei muito. Voltarei.

    P.S. Também fiquei curiosa com a tal IDÉIA... rssss!

    ResponderExcluir
  7. Ahh fiquei curiosa, qual é a ideia?
    Espero uma continuação, seus textos sempre tem gostinho de continuação!

    Tempinho que eu não passava por aqui, tempo curto mesmo. Mas voltei ^^

    Grande beijo

    ResponderExcluir
  8. Volte mesmo, viu Larissa, volte sempre! E que bom ver você por aqui de novo Luiza!

    Quanto a idéia... bom, fiquem atentas aos próximos posts! Tudo pode ser uma dica, ou contar a idéia por outras palavras.

    beijos!

    ResponderExcluir